Cuidado com as bagagens, podem ser seu pior pesadelo. Veja aqui, como reduzir as chances disto acontecer.

Importante é saber cada vez mais sobre como as coisas funcionam. Menos é mais! E isto será fundamental para sua viagem!

Precisa fazer sua estratégia de bagagens, e isso vai variar de acordo com o tipo de viagem que irá fazer. Tempo de duração? Vôo internacional / vôo doméstico (ou ambos)? Vai usar trem? Estados Unidos? Europa? Local de frio? Neve? Local de calor? Praia?

 

IMG_0427

 

Primeiro é preciso entender que o limite máximo de bagagens internacionais que normalmente você tem por direito ao comprar seu bilhete de ida e volta é de duas malas de 23 Kg cada uma.  Estas poderão ser despachadas para ir na área de carga do avião. Veja abaixo as regras da Azul, por exemplo. Verifique sua passagem (econômica ou executiva) e a companhia aérea, mas são mais ou menos parecidas as regras entre elas.

Bagagem_Azul

 

Antigamente apenas o Brasil tinha uma regra de 2 bagagens de 32 Kg, e como o padrão mundial era de 2 bagagens de 23 Kg, isto gerava alguns problemas em aeroportos internacionais de outros países, por desconhecimento desta exceção brasileira. QUE NÃO EXISTE MAIS!

imagem_materia_franquia_bagagem

 

Agora é importante você entender a que corresponde o bilhete eletrônico (ou ticket). Quando você compra sua passagem de ida e volta para o Brasil e faz isto em uma única compra, tanto para sua ida como para sua volta, estas pertencem ao mesmo número de bilhete eletrônico. Se comprar a ida separada da volta, vão estar em bilhetes eletrônicos distintos.  Deve estar se perguntando, onde eu quero chegar com isso, né?

Isso pode fazer diferença ou não dependendo do perfil da sua viagem. Se você vai viajar e ficar todo o período da viagem em uma única cidade, muito comum em destinos como Nova Iorque ou Orlando, ou destinos em que você vai chegar em uma cidade e circular por outras de carro mas retornará pelo mesmo aeroporto em que chegou (retornando a ele de carro). Nestes casos não haverá nada com o que se preocupar, além de manter sua bagagem dentro do peso estabelecido por sua passagem (no caso de vôo internacional , duas bagagens de 23 kg).

Tudo começa a complicar um pouco quando vai fazer uma viagem conhecida como multi cidades, ou seja você vai fazer outros trechos por avião, além da ida e a volta para o Brasil, podendo ser um trecho adicional ou vários.

Neste cenário,  se efetuar a compra da ida e da volta e também dos trechos adicionais juntos na mesma compra, todos os vôos vão ter o mesmo número de bilhete eletrônico, e neste caso você vai ter o mesmo direito às 2 bagagens de 23 kg da ida e volta ao Brasil nos outros trechos adicionais. Isso parece bom, né? Sim, mas às vezes fica muito caro fazer desta maneira, inviabilizando a viagem.

O que fazer então? É aí que precisa entender e planejar da forma mais inteligente possível seu itinerário. Por que quando for comprar os vôos avulsos dos trechos intermediários você vai estar sujeito às regras de bagagens do tipo de passagem que for escolher. Normalmente temos a tendência a escolher as empresas aéreas de baixo custo (Low Cost), mas estas são baratas quando você não tem bagagem a ser despachada e viaja apenas com bagagem de mão. Quando você vai comprar no site destas empresas terá a opção de comprar o direito de despachar uma ou mais outra bagagem de até 23 kg (50 Lbs). Pense bastante antes de comprar porque comprar pelo site é bem mais barato do que comprar no balcão na hora do check-in, quando descobriu que sua bagagem de 23 kg que adquiriu na compra da passagem avulsa está pesando mais que deveria, e então o excesso de bagagem sai mais caro que pagar pelo direito uma outra mala (comprando pelo site). Porém no aeroporto você não vai ter a tal segunda mala para redistribuir o peso, e comprar uma mala no próprio aeroporto costuma ser bem mais caro que o normal.

Então deve considerar os destinos para onde vai (tipo de roupas frio ou calor, normalmente frio demanda uma bagagem mais pesada). Leve apenas um casaco na mala, e no máximo um carregando na sua mão e pense em formas de combinar as roupas com estes casacos, sempre lembrando a regra de ouro que menos é mais. Tente levar roupas para passar no máximo 10 dias, mesmo que sua viagem seja de 30 dias ou mais. Roupas ínitmas ou até aquelas mais leves você pode lavar no próprio quarto em que está alojado. A cada 7 dias veja em que localidade vai estar e utilize o Google Maps para localizar uma lavanderia na proximidade do hotel. Alguns hotéis possuem uma lavanderia na qual você mesmo pode pagar para utilizar as máquinas. Se tiver apenas na modalidade de serviço que é bem mais caro, procure uma lavanderia próxima e separe no seu roteiro duas horas para esta atividade pois compensa muito mais do que pagar 150 dólares em excesso de bagagem. Nas primeiras viagens levávamos muitas roupas, mas com o tempo e aprendizado, nossas bagagens foram encolhendo… Aproveite enquanto sua roupa está lavando para dar uma volta na região da lavanderia, pois poderá descobrir coisas interessantes.

O ideal é levar uma mochila (de pequeno porte), uma mala de mão e uma mala média de 23 Kg.

Deixe o destino mais provável de compras para ser a última cidade da sua viagem, pois além de não ter que carregar mais peso durante toda a viagem, vai evitar os custos de excesso de bagagem ou de bagagem extra.

Fizemos uma viagem que foi Roma, Londres, Paris e Nova Iorque por último. Nova Iorque foi onde mais fizemos compras, por causa dos preços e se tornou nossa última parada na viagem. Além disto pegamos ou Eurostar que é o trem que liga Londres a Paris, e nos trens o espaço para bagagens é mais escasso ainda, e não se esqueça de que é você mesmo que aloca suas bagagens nos locais destinados a elas, assim como a de todos os demais passageiros! Chegue cedo ou sua bagagem vai ficar longe das suas vistas por falta de lugar para armazená-las perto de você, então o ideal é levar a menor quantidade de malas e menor peso possível.

 

Nesta viagem eu adotei a seguinte estratégia:

Fui com 1 mochila, 1 mala de mão (carry-on) e 1 mala grande (mas dentro da mala grande eu coloquei a mala média, e nesta mala média que foram as minhas roupas e durante todo o trecho europeu eu apenas carregava  1 volume e tínhamos além do trem , um trecho de vôo avulso que era o de Roma para Londres (que era apenas 1 bagagem despachada de ate 23 kg).

Minha esposa foi com 1 mochila, e a mala média apenas. Pensou inclusive em ir só com a mochila e a mala de mão, e apesar de eu ter achado que ela não conseguiria, a teimosa tentou até o último dia fazer as malas desta forma… Finalmente constatou que não era possível, tendo em vista que estaríamos viajando para locais de frio. Mas, ok ! Valeu o exercício! Ela pesquisou bastante sobre como otimizar uma mala feminina, e quase conseguiu levar tudo o que se propôs só na mala de mão.

Os demais trechos comprei como multi cidade (Rio de Janeiro até Roma , Paris até Nova Iorque e Nova Iorque até o Rio de Janeiro). Ou seja, em dois trechos da viagem eu tinha que ter apenas 1 bagagem de 23 kg no máximo (trem de Londres a Paris e o vôo  de Roma para Londres).

Quando cheguei em Nova Iorque tirei a mala média de dentro da grande e passei a usar a grande para armazenar as compras, pois apenas me restava o vôo de volta ao Rio de Janeiro que me permitia as 2 bagagens de 23 kg. E ela, comprou apenas uma mala de mão, que serviu muito bem para alocar suas compras, estando as duas malas em acordo com o peso permitido( mala de mão 10Kg e mala a despachar 23Kg). Importante sempre lembrar de levarem uma balança portátil de malas para garantir que tudo esteja de acordo com o permitido. Nunca viajamos sem a nossa!

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Outra viagem (Nova Iorque, Las Vegas, Miami, Cruzeiro pelas Bahamas e retornando a Miami para voltar ao Brasil).

Usei o mesmo conceito, deixei para fazer as compras no último dia de viagem, quando retornamos do cruzeiro, pois lembre-se que as cabines dos navios são bem pequenas, e não comportam duas malas para cada pessoa. Então faça a estratégia de planejar as compras para depois do cruzeiro, caso no seu roteiro tenha algum passeio embarcado.

Após o cruzeiro fomos até Sunrise em Fort Lauderdale conhecer um dos maiores Outlets dos Estados Unidos, o Sawgrass Mills.

Lembrando que também não seria nada agradável rodar em vários aeroportos de um canto para o outro com um monte de malas. Você se cansa mais, se aborrece mais, gasta mais dinheiro com translados por causa dos volumes e dependendo do tamanho do grupo e fica menos ágil em sua locomoção.

 

Bagagens x Aluguel de Carro

Se preocupe com aluguel de carros, se tiver em grupo de 3 pessoas ou mais. Esqueça os carros econômicos e baratos, pois vai precisar passar para Mini Vans de 7 lugares (mas não para as pessoas apenas, e sim para todas as bagagens do grupo). Normalmente ao alugar o carro não se calcula o enorme espaço que estas bagagens ocupam e se descobre da pior maneira, no momento que começa a guardá-las no carro… Mas nas primeiras vezes é comum cometer este erro, então aqui está sua chance de, pelo menos este equívoco, conseguir evitar.

IMG_4189

 

Dê preferência a comprar malas de cores fora do padrão e marcas diferentes, mas sempre de boa qualidade, porque as de pior qualidade já quebram na primeira ou segunda viagem, e as de cores mais comuns são bem mais fáceis de serem confundidas com as de outros passageiros.  Sugiro ainda colocar, além da etiqueta com suas informações, como nome, telefone e endereço,  algum tipo de identificação visível de longe para diferenciar sua mala, como capas, fitas, lenços, adesivos…  pois isto vai ajudar a diferenciar rapidamente sua bagagem das outras na esteira no desembarque do aeroporto e/ou perceba precocemente caso alguém esteja pegando sua mala sem querer, ou de forma mal intencionada.

 

 

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s